[ editar artigo]

Sem medo de ter medo.

Sem medo de ter medo.

 

Acredito que se você é um empreendedor novato ou experiente pode sim em algum momento sentir medo.

Se está empreendendo na carreira ou em uma organização (intraempreendedor) e passa por momentos de insegurança sobre sua posição, então as dicas desse post também serão válidas para você.

Abra aquele seu caderninho de notas e escreva ao longo da semana esta breve análise de riscos contra os medos:

1. Escreva o pior que pode acontecer (sem ser pessimista mas com a dose necessária de realismo e esperança).

2. Tudo o que você pode fazer para minimizar cada uma dessas situações (exercite a criatividade, avalie suas forças, pratique autoconhecimento e crie a sua própria estratégia).

3. O que você faria e como se sentiria se precisasse voltar exatamente ao ponto de partida caso seu pior medo se concretize? (pensar sobre isso amplia a consciência quanto as expectativas e como iria lidar com essa hipótese).
.

Eu gosto de histórias, foram elas que me levaram à começar o

Programa Me Inspira® https://www.instagram.com/programameinspira/?hl=pt-br

Nessa foto fazia cinco anos que estava empreendendo em minha nova carreira e definitivamente me desvinculava de um local físico compartilhado com o marido e alguns dentistas dentro de uma clínica. Trabalhar por lá foi depois de ter conhecido várias padarias na cidade – eram meus locais de reuniões no reinício aos 40 anos.

Agora estava acabando de mudar para um escritório novo. Tomei a decisão após avaliar o histórico de clientes que eu já vinha prospectando ao longo dos primeiros anos e as grandes parcerias que havia feito. Então respirei fundo, acreditei e fui para o meu próprio espaço de trabalho!

Hoje em 2020 olhando para trás, eu sei por experiência, que foi incrivelmente desafiador. O mercado mudou, o mundo mudou, eu mudei.

Eu me pego às vezes buscando a segurança das certezas, mas o que fica desse momento que compartilho contigo, é que as análises de risco ajudaram, mas o que continua fazendo diferença é trabalhar em mim mesma.

Preciso manter uma consciência clara sobre as minhas atitudes: emocional, pessoal, familiar, empresarial e humana. Procuro me disciplinar para escolher todos os dias trabalhar nisso e acreditar,  apesar das inseguranças internas e externas: e se eu falhar continuarei seguindo em frente.

Leia também https://giselecipili.com.br/como-comecar-bem-em-2020/

Que você prospere em tudo.

Um abraço afetuoso,

 

Gisele Cipili

Vale do Pinhão
Ler conteúdo completo
Indicados para você